Tipos, sintomas e tratamentos da acne

Novembro 2017

A acne é um problema da pele ou dermatose, não contagiosa e causada por um aumento da secreção de sebo pela glândula sebácea associada a fenômenos de inflamação. Ela é responsável por cravos pretos. A forma mais comum é a acne juvenil encontrada em 80% dos adolescentes, principalmente no rosto e no tronco.

Tipos de acne

Além da acne juvenil, existem outros tipos bastante comuns de acne. A acne neonatal com a qual o bebê nasce e tende a desaparecer já nas primeiras semanas de vida. A acne pré-puberdade, mais rara e que costuma afetar crianças de 9 a 11 anos. A acne tardia, que afeta principalmente mulheres a partir dos 25 anos. A acne-rosácea, mais comum em mulheres entre 40 e 50 anos. Há também a acne causada pelo uso de determinados medicamentos ou cremes faciais e corporais.

Sintomas da acne

Na puberdade, a produção de hormônios sexuais, à base de testosterona, dá lugar a uma pele oleosa, reconhecível por seu aspecto brilhante. O sebo se acumula nos poros que assim se obstruem e formam cravos e microcistos ou lesões inflamatórias. Uma acne severa dá lugar à aparição de nódulos podendo ter mais de cinco milímetros de diâmetro.

Na sua forma agravada, chamada de acne conglobata, abcessos profundos se formam no rosto e também nas costas. Quanto à acne dos bebês, ela se manifesta por lesões acneicas no rosto e nas costas. Ela dura apenas algumas semanas ou, no máximo, alguns meses.

Diagnóstico da acne

O diagnóstico da acne é feito por um médico generalista ou dermatologista. A acne juvenil comum não requer exame complementar. Por outro lado, na presença de acne em uma mulher adulta, um exame sanguíneo e um ultrassom dos ovários pode ser utilizado para determinar as causas de uma secreção hormonal excessiva.

Tratamento da acne

A acne necessita de tratamento local, normalmente com pomadas, acompanhado de uma limpeza cotidiana da pele acneica com produtos não agressivos adaptados à pele oleosa e diminuindo a secreção de sebo. De acordo com o tipo de acne, o tratamento pode ser combinado com produtos contendo vitamina A e anti-inflamatórios ou antibióticos locais. Em complemento, um creme hidratante pode ser aplicado pela manhã.

Para uma acne severa, é associado um tratamento oral: antibióticos, tratamento hormonal, no caso das mulheres. Um tratamento seguido à risca dá bons resultados. As eventuais cicatrizes podem ser parcialmente eliminadas por um esteticista em momento posterior através de técnicas como peeling ou remoção a laser.

Prevenção da acne

O sol reduz temporariamente as lesões, mas aumenta a formação de cravos: portanto é necessário se prevenir. Os produtos de higiene suaves, não irritantes, não alcalinos como os sabões de glicerina com óleo de amêndoas doce ou sabão sem gordura devem ser privilegiados. A manipulação das espinhas deve ser evitada.

Foto: © Fotolía.
Publicado por asevere. Última modificação: 27 de novembro de 2015 às 12:57 por Pedro.CCM.
Este documento, intitulado 'Tipos, sintomas e tratamentos da acne', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM Saúde (saude.ccm.net) ao utilizar este artigo.