Hematoma - Definições

Novembro 2017


Definições

Um hematoma é um aglomerado de sangue. Ele pode aparecer em um órgão, nos tecidos situados em torno desses órgãos, ou diretamente sob a pele. Ele se origina geralmente de uma ruptura de um vaso sanguíneo, que despeja seu conteúdo quase ao mesmo tempo em que a coagulação se faz. Em caso de formação rápida do coágulo sanguíneo, o hematoma pode ser contido pelo organismo, mas em caso de lesão sanguínea grande ou múltipla, de problemas de coagulação, ou de tratamento anticoagulante retardando o controle do sangramento, os hematomas grandes podem se formar. Pode ser benigno principalmente em caso de hematomas cutâneos de pequena importância em conseqüência de um traumatismo em um indivíduo em boa saúde, mas conforme sua localização e sua importância, pode ter conseqüências graves, como em hematomas cerebrais que podem, em função do seu volume na caixa craniana inextensível, ocasionar fenômenos de compressão sobre as estruturas do cérebro.
Publicado por asevere. Última modificação: 17 de dezembro de 2014 às 08:04 por asevere.
Este documento, intitulado 'Hematoma - Definições', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM Saúde (saude.ccm.net) ao utilizar este artigo.