Leucemia mieloide crônica - Definição

Fevereiro 2018


Definição de leucemia mieloide crônica

A leucemia mieloide crônica faz parte das síndromes mieloproliferativas, doenças que se desenvolvem no tecido da medula óssea e se caracterizam pela proliferação anormal de células maduras (o que diferencia as síndromes mieloproliferativas das leucemias). A doença é rara, consequência de uma anomalia cromossômica e afeta principalmente adultos em torno de 50 anos.

Os sintomas aparecem tardiamente: anemia, infecções, hemorragias, aumento do volume do baço e fígado. É uma leucemia grave, frequentemente mortal. A suspeita da doença se dá por meio de exame de sangue com forte aumento dos glóbulos brancos e é reforçada por análise da medula após punção no esterno e confirmada pela descoberta da anomalia cromossômica. Os tratamentos dependem do estado e da evolução da doença, indo do transplante de medula óssea até a quimioterapia.
Artigo original publicado por DRA. MARNET. Tradução feita por asevere. Última modificação: 21 de fevereiro de 2018 às 11:39 por Pedro.CCM.
Este documento, intitulado 'Leucemia mieloide crônica - Definição', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM Saúde (saude.ccm.net) ao utilizar este artigo.
Laringe - Definição
Leucocitose - Definição