Esfíncter anal - Definição

Abril 2017


Definição de esfíncter anal

O esfíncter anal é um músculo localizado na parte terminal do aparelho digestivo que permite a defecação. Existem dois esfíncteres no corpo: um interno, cujo funcionamento é automático e que é constituído de fibras musculares chamadas de lisas; e outro externo, sob controle voluntário. O mecanismo de defecação funciona da seguinte maneira: quando há a presença de fezes na ampola retal, a sensação de necessidade é sentida e o esfíncter anal interno se relaxa. Imediatamente depois disso, o esfíncter anal externo se contrai por reflexo. O paciente pode continuar mantendo a contração até ir ao banheiro e a defecação começa quando a pessoa decide relaxar o esfíncter externo.

Em caso de anomalia nos esfíncteres, esses mecanismos não funcionam de maneira adequada e pode haver perda involuntária de fezes - a incontinência fecal ou retal. Esse quadro é especialmente comum em pessoas idosas, que apresentam capacidade reduzida de manter a contração do esfíncter externo por muito tempo.

Veja também

Publicado por asevere. Última modificação: 2 de março de 2017 às 09:53 por Pedro.Saude.
Este documento, intitulado 'Esfíncter anal - Definição', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM Saúde (saude.ccm.net) ao utilizar este artigo.