Câncer da medula óssea

Novembro 2017


Definição

O câncer da medula óssea é um tumor maligno que se desenvolve na medula óssea presente no interior do osso. A medula óssea pode ser afetada por diferentes tipos de câncer. Entre eles, encontramos o mieloma - ou doença de Kahler - que afeta na maioria dos casos pessoas de idade entre 50 e 70 anos, e mais comumente os homens. Ele se caracteriza pela multiplicação das células chamadas de plasmocitos. Além disso, outros tumores da medula óssea existem: são as leucemias. A leucemia aguda se caracteriza por uma produção anormalmente elevada dos glóbulos brancos imaturos, ou seja, onde o desenvolvimento não é terminado, que invadem a medula óssea e depois o sangue e depois podem migrar para outros órgãos. A medula óssea se torna menos funcional e se desenvolve o que chamamos de insuficiência medular, com diminuição da fabricação dos glóbulos vermelhos e sua consequência, a anemia, diminuição das plaquetas com sua consequência, a trombopenia com riscos de hemorragias, e diminuição dos glóbulos brancos com neutropenia e a baixa do sistema de defesa do organismo, exposto ás infecções. A leucemia pode igualmente se desenvolver nas células para terminar sua maturação como no quadro da leucemia linfoide crônica por exemplo, ou a invasão se faz por glóbulos brancos maduros.

Manifestações

no caso da doença de Kahler, ou mieloma múltiplo, os sintomas são muito variados e podem afetar diversos órgãos. Eles podem vir de dores ósseas com fraturas espontâneas nos ossos afetados, uma palidez, infecções repetidas, uma fadiga importante, um emagrecimento.
No que diz respeito à leucemia, os sintomas comuns, quer se trate de uma leucemia aguda ou crônica, são principalmente causados pelas complicações da anemia (fadiga, palidez) , da trombopenia (hemorragias) e da neutropenia (sensibilidade às infecções). Outros sintomas são específicos ás diversas formas.

Diagnóstico

Para realizar o diagnóstico desses diferentes problemas cancerígenos da medula óssea, análises sanguíneas são acopladas a um mielograma que permitirá retirar uma amostra óssea e estudar seu conteúdo celular.

Tratamento

a doença de Kahler não pode ser curada por um tratamento médico. Enquanto isso, alguns medicamentos melhoram a qualidade de vida dos pacientes e evitam o surgimento de complicações, como os bisfosfonatos. O tratamento se faz geralmente através de uma quimioterapia associada à realização de um transplante. A radioterapia é às vezes utilizada para combater as dores ósseas.
No que afeta as leucemias, as quimioterapias, as moléculas específicas ou às vezes um transplante de medula óssea são métodos considerados.

Veja também

Publicado por asevere. Última modificação: 24 de novembro de 2016 às 12:45 por Pedro.Saude.
Este documento, intitulado 'Câncer da medula óssea', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM Saúde (saude.ccm.net) ao utilizar este artigo.