Mordidas de pulga - Sintomas e infecções

Março 2017

As pulgas infestam casas por meio dos animais domésticos. Esses parasitas mordem seres humanos com consequências geralmente benignas. Como reconhecer essas picadas e tratá-las? Como prevenir uma infestação e se livrar do parasita?



Por que as pulgas mordem o homem

As pulgas são pequenos insetos hematófagos, ou seja, que se alimentam de sangue do seu portador, que vivem na superfície corporal de mamíferos. Eles se deslocam aos saltos, que em algumas espécies chegam a 30 centímetros de altura. Na maioria das vezes, as pulgas infestam animais domésticos - cães, gatos, hamsters - e daí passam a colonizar toda a casa, em alguns casos chegando até ao homem.

Pessoas em risco

A transmissão de doenças como infecções bacterianas para o ser humano só se dá quando a própria pulga está infectada por um outro micro-organismo parasita. Pessoas que vivem em zonas rurais e tratam diretamente com animais correm maior risco de sofrer com essas doenças. Na cidade, os mais ameaçados são as crianças.

Sintomas da mordida

As mordidas se concentram nas pernas e nos tornozelos. Elas provocam coceira, principalmente em pessoas alérgicas à saliva da pulga. Em casos de lesões cutâneas, também pode ocorrer febre e anemia. O principal sinal de que o corpo está infestado de pulgas são pequenas manchas de sangue que aparecem nas roupas e nos lençóis.

Infecções e doenças da mordida

A doença mais comum transmitida pela mordida de pulgas é o tifo endêmico ou murino. A infecção bacteriana, benigna na maioria dos casos, passa pela pulga do rato e do gato. Outras doenças bacterianas e parasitárias também podem ser transmitidas.

Tratamento das mordidas

Quando as lesões provocadas pelas pulgas são numerosas e já estão infeccionadas o melhor é procurar um médico. Em casos menos graves, é necessário higienizar a região lesionada com água e um creme antisséptico. Os tratamentos seguintes variam de caso para caso. Em reações alérgicas importantes, é aconselhável o uso de medicamentos anti-histamínicos. Já para situações de infecção bacteriana, o correto é tomar antibióticos.

Prevenindo-se das pulgas

Antes de tudo, lave com frequência a roupa de cama e suas roupas. Assim, é possível eliminar os ovos e larvas de pulga presentes nelas. Também é importante limpar a casa com aspirador, principalmente em cima dos móveis e nos cantos mais escuros da casa, onde as pulgas costumam se abrigar. Se você está de mudança ou vai visitar uma área mais rural, com maior potencial de infestação, aplique inseticida diretamente sobre as roupas pouco antes de vesti-las. Não se esqueça de tratar rapidamente as infestações de pulgas nos animais domésticos e, durante o tratamento, evite um contato muito aproximado com o animal. A erradicação do inseto presente no corpo do animal costuma ser o suficiente para livrar a casa do problema.

Foto: © Sarah2 - Shutterstock.com

Veja também

Artigo original publicado por . Tradução feita por Pedro.Saude.
Este documento, intitulado 'Mordidas de pulga - Sintomas e infecções', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM Saúde (saude.ccm.net) ao utilizar este artigo.