Doação de óvulos: exames prévios e realização

Novembro 2017

Para realizar uma doação de óvulos são necessários certos cuidados para garantir tanto a saúde da doadora quanto o êxito do procedimento. Entenda a seguir como é feita a doação de óvulos, quais testes devem ser feitos antes da extração e quais cuidados são necessários no processo.


Consulta e exames prévios

Qualquer doação de óvulos precisa de um estágio de preparação. Esta etapa permite coletar todas as informações a respeito da doadora, particularmente sobre o seu método contraceptivo. A doadora também assina um acordo, que também deve ser firmado pelo cônjuge, se ela for casada. Um exame preliminar é realizado para verificar o estado de saúde da doadora, avaliar sua fertilidade e se há contraindicações para doação. O grupo sanguíneo da doadora é verificado e infecções potenciais (sífilis, hepatite B ou C e Aids) são descartadas. Cromossomos também são examinados. Antes da doação se realiza uma consulta com psicólogo ou psiquiatra. Esta consulta pode ser repetida se a doadora desejar.

Realização da doação de óvulos

Estimulação ovariana

A maturação de vários óvulos é conseguida após a estimulação dos ovários durante 10 a 12 dias. A estimulação ovariana é realizada por injeções subcutâneas diárias, realizadas por uma enfermeira ou pela própria doadora. Além disso, a doadora deve realizar exames de sangue e ultrassons. Estes testes permitem verificar e ajustar o tratamento de estimulação e determinar a data da doação.

Extração dos ovários

A extração dos óvulos é efetuada 35 horas após a última injeção do tratamento de estimulação durante um dia de hospitalização. Os óvulos são removidos por via vaginal e sob anestesia geral. Após o procedimento, a doadora deve deixar o hospital acompanhada. Um exame médico específico deve ser realizado pela doadora no dia seguinte, assim como um exame ginecológico para verificar sua saúde.

Na sequência da remoção, podem surgir efeitos colaterais, tais como dor pélvica e pequenos sangramentos. Em alguns casos, estes efeitos são persistentes e causam problemas digestivos e aumento de peso. Caso estes sintomas ocorram, o médico deve ser consultado rapidamente. A doação de óvulos não afeta uma futura gravidez e não acelera a menopausa.


Foto: © Nixx Photography - Shutterstock.com
Artigo original publicado por Carlos-vialfa. Tradução feita por Joana.Saude. Última modificação: 13 de março de 2017 às 13:11 por Pedro.CCM.
Este documento, intitulado 'Doação de óvulos: exames prévios e realização', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM Saúde (saude.ccm.net) ao utilizar este artigo.