Doença de Peyronie

Novembro 2017


Definição

A síndrome do pênis curvado, chamada também de doença da Peyronie, é uma deformação do pênis. Ela aparece no momento da ereção e o aspecto do pênis é normal em repouso. Essa deformação se dá devido à presença de placas fibróticas no pênis, e mais precisamente nos corpos cavernosos, estruturas que se enchem de sangue no momento da ereção. Essa curvatura provoca então problemas de ereção e problemas sexuais. Esse fenômeno atinge sobretudo homens a partir de 50 anos e a causa não é claramente identificada.

Manifestações

Os sintomas do pênis curvado evoluem classicamente em duas fases, uma primeira dita inflamatória na qual uma inflamação e dores são presentes, depois uma segunda, perene, onde as lesões não evoluem mais. Nos dois casos, constatamos:
o Uma curvatura no pênis;
o Uma redução na flexibilidade do pênis;
o Regiões duras são por vezes palpáveis no pênis;
o Dores;
o Problemas sexuais;
o Ereções dolorosas;
o Mal estar;

Diagnóstico

O diagnóstico do pênis curvado se dá por meio de um exame físico. O paciente fornecerá fotos de seu pênis em repouso e ereto, ou o medico injetará um produto para provocar a ereção. Um exame eco gráfico confirma a existência das placas.

Tratamento

Em função da fase na qual se encontra o paciente, os tratamentos divergem. Na fase inflamatória, esperanças são permitidas e o paciente deverá seguir um tratamento por diversos meses, utilizando anti-inflamatórios, vasodilatadores, colchicina e vitamina E. Esse tratamento não serve mais de nada no estado cicatricial e um tratamento cirúrgico é por vezes recomendado nos casos mais severos com resultados mais ou menos bons.
Publicado por asevere. Última modificação: 16 de dezembro de 2014 às 14:49 por asevere.
Este documento, intitulado 'Doença de Peyronie', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM Saúde (saude.ccm.net) ao utilizar este artigo.