Benefícios da meditação para a saúde

Setembro 2017



A meditação, prática ancestral originada na Ásia, constitui uma preparação para a contemplação. Ela permite o relaxamento a partir da desconexão do indivíduo da vida real, entrando num estado de consciência superior. Diversos estudos científicos internacionais já comprovaram os benefícios da meditação, principalmente sobre o estresse, depressão e distúrbios do sono.

Distúrbios do sono

A meditação promove uma ajuda preciosa a todas as pessoas que sofrem de insônia e outros distúrbios do sono ao permitir um melhor controle pessoal sobre o organismo e a psique. O tratamento da insônia pela meditação se baseia na visualização de imagens agradáveis e relaxantes que ajudam a dormir mais rapidamente e com sentimento de plenitude.

Depressão

Segundo estudos internacionais, 50% da população mundial passou ou passará por um episódio depressivo ao longo da vida. Essa situação, aliada aos riscos à saúde causados pelo uso prolongado de medicamentos antidepressivos, faz com que tratamentos não-convencionais da depressão sejam recomendados.

Estudo britânico publicado em 2015 na revista científica 'The Lancet' revelou que a meditação é uma alternativa eficaz na luta contra a depressão, em alguns casos de resultados comparáveis aos experimentados por pacientes que tomam remédios antidepressivos. Além da eficácia, o tratamento da depressão com meditação é mais barato e não traz os riscos de efeitos colaterais dos medicamentos.

Estresse

A meditação é uma das técnicas de relaxamento mais antigas e eficazes que existe. Após dias de muito trabalho ou na véspera de alguma prova ou apresentação importante, meditar pode ser um meio seguro e eficiente de manter a tranquilidade e não sofrer todos os problemas decorrentes do estresse e da ansiedade.

Foto: © Corina-Alina-Dragan - Shutterstock.com

Veja também

Publicado por Pedro.CCM. Última modificação: 31 de agosto de 2017 às 12:27 por Pedro.CCM.
Este documento, intitulado 'Benefícios da meditação para a saúde', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM Saúde (saude.ccm.net) ao utilizar este artigo.