Ácaros: o que são e onde vivem

Abril 2017

Os ácaros são aracnídeos que medem menos de um milímetro de comprimento e parasitam outros animais ou plantas. Eles vivem de dois a três meses e se reproduzem rapidamente quando encontram condições favoráveis de temperatura e umidade. Existem mais de 50 mil espécies de ácaros. Os mais abundantes são o Dermatophagoides pteronissimus, conhecido como ácaro de poeira, e o Dermatophagoides farinae, praticamente inexistente a mais de 1.800 metros de altitude.


Onde vivem os ácaros de poeira

Os ácaros estão presentes em todas as casas, mesmo nas mais limpas. É possível encontrá-los entre a roupa de cama, cortinas, brinquedos de pelúcia, colchões e tapetes. Um grama de poeira pode conter entre 2 mil e 10 mil ácaros. A sua presença não significa necessariamente que o quarto não está limpo. Um colchão pode conter dois milhões de ácaros de poeira, tornando possível encontrar 4 mil ácaros em cada palmo.

Ácaros em depósitos

Há ácaros que vivem também em celeiros, estábulos e armazéns. Os ácaros que vivem nos locais de depósito e armazenamento, ao contrário dos ácaros da poeira domiciliar, alimentam-se de farinha, grãos e cereais. O ácaro sírio, por exemplo, vive na superfície de alguns queijos. Estes ácaros podem causar problemas mais graves que os ácaros domésticos.

Alimentos dos ácaros

Os ácaros se alimentam de restos de descamação humana, cabelo e unhas. Especificamente, esses aracnídeos se alimentam de 50 milhões de escamas eliminadas da pele humana durante o sono. Na verdade, 0,25 g de resíduos de escamação podem alimentar vários milhões de ácaros durante três meses.

Como os ácaros se reproduzem

Os ácaros se reproduzem a uma velocidade vertiginosa já que cada fêmea põe 20 a 80 ovos que atingem a idade adulta em apenas três meses.

Alergia a ácaros

Uma média de 2 miligramas de ácaros por cada grama de poeira pode causar alergia em uma pessoa predisposta e 10 mg por grama de poeira pode causar um ataque de asma.

Doenças causadas por ácaros

Uma série de doenças, originadas de reações alérgicas, podem ser causadas por ácaros. Entre elas estão conjuntivite, escabiose, alergias respiratórias, dermatite atópica e blefarite. Além disso, uma pessoa alérgica a ácaros pode sofrer um choque anafilático após ingerir alimentos contaminados por ácaros.

Foto: © Sebastian Kaulitzki - Shutterstock.com

Veja também

Publicado por Joana.Saude. Última modificação: 5 de abril de 2017 às 13:31 por Pedro.Saude.
Este documento, intitulado 'Ácaros: o que são e onde vivem', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM Saúde (saude.ccm.net) ao utilizar este artigo.