Pular refeições: efeitos sobre o organismo

Julho 2017

A pressa para sair de casa e as muitas tarefas no trabalho fazem com que cada vez mais pessoas pulem refeições como café da manhã e almoço. Outras acreditam que jejuns prolongados, com redução do número de refeições pode ser um método eficaz para a perda de peso. Porém, o hábito de pular refeições, quaisquer que sejam, é altamente maléfico para o organismo, com efeitos que se estendem desde o sistema digestivo até o estado emocional do indivíduo. Saiba o que acontece em nosso corpo quando deixamos de comer em algum período do dia.


Perda de peso

De fato, pular uma ou outra refeição durante o dia promove a perda de peso. No entanto, essa redução tende a ocorrer de maneira pouco saudável. Ao não se alimentar, o indivíduo transmite ao organismo uma mensagem que obriga o corpo a armazenar gordura como reserva energética devido à incerteza quanto ao próximo momento em que a pessoa vai se alimentar.

Desta forma, pessoas que perdem peso praticando jejuns prolongados, evitando almoçar, por exemplo, tendem a apresentar redução da massa muscular, o que gera o 'falso magro', isto é, pessoas que, apesar de estarem abaixo ou dentro do peso normal, possuem percentual de gordura elevado.

Além disso, saltar refeições pode acabar tendo efeito contrário pois, na refeição seguinte, o indivíduo tende a comer mais e o organismo, ainda na incerteza quanto à regularidade da alimentação, irá armazenar a energia provida pela refeição em maior quantidade.

Disfunção metabólica

O metabolismo é bastante afetado pelo hábito de pular refeições ou realizá-las em horários desregulados, principalmente os órgãos do sistema digestivo. Ao saltar uma refeição, órgãos como estômago e intestino têm seu funcionamento desregulado, ocasionando diminuição da capacidade e das funções. Por isso, o ideal é fazer todas as refeições, preferencialmente em horários regulares para que não haja desaceleração do metabolismo.

Disfunção hormonal

Os hormônios também podem ficar desregulados quando saltamos refeições. Em primeiro lugar, o pâncreas aumenta a produção de insulina para garantir o aporte de energia e esse crescimento provoca hipoglicemia (taxa de açúcar baixo no sangue), o que, por sua vez, leva a estados de cansaço e indisposição. Em segundo lugar, também aumenta a produção de cortisol pela glândula suprarrenal. Esta substância, também conhecida como hormônio do estresse, deixa o indivíduo mais irritado e mal-humorado.

Método de emagrecimento

Existem muitas recomendações de amigos, revistas e páginas na Internet sobre métodos milagrosos de emagrecimento e muitos deles envolvem longos períodos em jejum durante o dia. O jejum, porém, não é uma opção saudável para quem pretende emagrecer. A perda de peso com saúde é feita com alimentação balanceada em pequenas porções ao longo de todo o dia sempre acompanhada por um nutricionista ou endocrinologista. A prática regular de atividade física, consumo moderado de álcool e interrupção do tabagismo também são essenciais para promover o emagrecimento.

Não pule o café da manhã

De todas as refeições feitas ao longo do dia, o café da manhã é, sem dúvidas, a mais importante. Por isso, é a que menos devemos pular. A importância do café da manhã se justifica pelo longo período de jejum - durante o sono - entre a última refeição do dia e o desjejum. Pela manhã, o organismo vai precisar de energia para desempenhar corretamente suas funções. Desta forma, é recomendado que o café da manhã contenha algum carboidrato, normalmente um pão integral. Além disso, fazer um bom café da manhã está associado a um melhor desempenho intelectual durante o dia, apontam algumas pesquisas.

Por fim, algumas dicas para o café da manhã de quem pretende perder peso. Além de fazer escolhas saudáveis como, por exemplo, trocar o pão francês por integral, dar preferência para queijos brancos e iogurtes 0% de gordura, evite ao máximo ingerir doces pela manhã. A explicação para isso é a seguinte: como o organismo está há muito tempo sem receber alimentos, ele tenderá a absorver com maior intensidade aquilo que for ingerido nas primeiras horas do dia. Logo, se optarmos por açúcares e gorduras serão essas as substâncias absorvidas pelo corpo.

Foto: © Nitr - Shutterstock.com

Veja também

Publicado por Pedro.CCM. Última modificação: 12 de julho de 2017 às 13:41 por Pedro.CCM.
Este documento, intitulado 'Pular refeições: efeitos sobre o organismo', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM Saúde (saude.ccm.net) ao utilizar este artigo.