O que é a densitometria óssea

Novembro 2017

A densitometria óssea é um exame que identifica a osteoporose e a osteopenia, detectando a redução da massa óssea. Neste exame, é utilizado um aparelho que aplica a técnica de DXA (Dual-Energy X-ray Absorptiometry) para avaliar locais como a coluna lombar, a região do fêmur e o terço distal do rádio, que são os mais suscetíveis à osteoporose. Rápida, a densitometria óssea dura cerca de cinco minutos.


Indicações da densitometria óssea

Esse exame é recomendado para mulheres acima de 65 anos e homens a partir dos 70. Porém, em pessoas que apresentam fraturas prévias, baixo peso, que ingerem medicamentos que aumentam o risco de osteoporose ou possuem doenças que ampliam esse risco, esse exame também é aplicado. Crianças e adolescentes também podem ter seu crescimento acompanhado pela densitometria óssea.

Contraindicações da densitometria óssea

Embora a radiação emitida pela máquina seja mínima, mulheres grávidas ou com suspeita de gravidez não devem se submeter à densitometria óssea. Pessoas com obesidade grave ou que fizeram exame com contrastes de iodo ou bário há duas semanas não podem fazer o exame também.

Como é feita a densitometria óssea

A densitometria óssea é rápida e indolor. Antes de realizar o exame você precisará tirar a sua roupa e colocar uma vestimenta do hospital, além de retirar joias e relógios. Na sequência, você deitará sobre o aparelho, em uma mesa acolchoada, e colocará as pernas em um suporte de esponja, alinhando a pelve e a coluna vertebral. Depois, o laser do aparelho fará a digitalização dos seus ossos.

Periodicidade da densitometria óssea

Esse exame deve ser feito a cada um ou dois anos, dependendo da prescrição médica e do controle de osteopenia ou osteoporose.

Foto: © Production Perig - Shutterstock.com

Veja também

Publicado por Natali_CCM. Última modificação: 17 de outubro de 2017 às 22:06 por Natali_CCM.
Este documento, intitulado 'O que é a densitometria óssea', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM Saúde (saude.ccm.net) ao utilizar este artigo.