Sangramento nasal: causas e cuidados

Dezembro 2017

O sangramento no nariz é causado por uma hemorragia interna, também chamada de epistaxe. Geralmente, esses sangramentos não indicam problemas graves para o paciente, exceto se durarem mais de 30 minutos.


Tipos de sangramento no nariz

Há dois tipos principais de sangramento no nariz. O principal é o sangramento anterior, que vem de um vaso sanguíneo na parte dianteira do nariz e é fácil de controlar. Já o sangramento posterior ocorre mais frequentemente em pessoas idosas e vem de uma artéria na parte de trás do nariz. Geralmente, ele necessita de um acompanhamento médico.

Causas do sangramento no nariz

As causas mais comuns dessas hemorragias são ar seco, sinusite aguda, machucados, alergias, uso de anticoagulantes, uso de cocaína, resfriado, desvio de septo, uso de sprays nasais, hemofilia, leucemia, cirurgia nasal, tumor nasal, sarcoidose, telangiectasia hemorrágica hereditária e púrpura trombocitopênica idiopática (PTI).

Quando o sangramento no nariz é grave

Se uma pessoa sofrer episódios repetidos de sangramento no nariz, observar presença de sangue na urina, tiver doenças que afetam a coagulação do sangue ou passar por quimioterapia, é recomendado procurar ajuda médica quando houver hemorragia no nariz.

Como parar o sangramento anterior

Geralmente, esse tipo de sangramento para apenas ao se sentar ereto e pender a cabeça para a frente, de forma a evitar a ingestão de sangue. Apertar o nariz e respirar pela boca por cinco minutos também ajuda.

Como tratar a hemorragia nasal posterior

Esse tipo de sangramento no nariz não cessa por conta própria e requer intervenção médica, com tamponamento nasal, que, muitas vezes, necessita de sedativos e analgésicos. Os tampões geralmente são deixados no local por 48 a 72 horas.

Foto: © Halfbottle - Shutterstock.com
Artigo original publicado por p.horde. Tradução feita por Natali_CCM. Última modificação: 8 de maio de 2017 às 14:51 por Pedro.CCM.
Este documento, intitulado ' Sangramento nasal: causas e cuidados', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM Saúde (saude.ccm.net) ao utilizar este artigo.