Refluxo: tratamento sem remédios

Novembro 2017

Algumas medidas simples permitem diminuir a frequência dos sintomas do refluxo gastroesofágico e da ardência e azia estomacais em adultos.


Após as refeições

Após as refeições, aguarde cerca de uma hora antes de deitar ou realizar alguma atividade física que demande grande esforço físico.

Evite certas posturas

Algumas posturas devem ser evitadas, como inclinar o tórax para baixo. Também é importante manter a parte superior do corpo elevada na hora de dormir. Por isso, muitos pacientes com refluxo usam mais de um travesseiro ou erguem a própria cama colocando um tijolo nos pés da cabeceira da cama. Deve-se evitar roupas muito justas na altura do abdômen.

Evitar alguns alimentos

Alguns alimentos que favorecem a aparição de azia e ardência estomacal devem ser evitados, tais como o chocolate, que também provoca relaxamento do músculo do esfíncter, o leite, que possui gorduras, proteínas e o cálcio que estimulam a acidez gástrica, alimentos muito gordurosos como manteiga, queijos, embutidos, temperos e doces, e alimentos cítricos, como laranja e limão, que também elevam a acidez do estômago. Além deles, menta, tomate e cebola também devem ser evitados por quem sofre com refluxo gastroesofágico.

Evitar algumas bebidas

Existem bebidas que não devem ser consumidas por quem tem refluxo. Os refrigerantes são o número 1, pois aumentam em larga escala o risco de refluxo e também de flatulência. As bebidas alcoólicas também integram a lista e apresentam risco ainda mais elevado se forem consumidas em jejum ou com estômago vazio. Por fim, café e chá irritam a mucosa do esôfago e provoca o surgimento de sintomas do refluxo.

Fracione a alimentação

É preferível comer moderadamente ao longo de todo o dia do que ingerir uma grande quantidade de comida em apenas uma refeição. A concentração é ainda mais problemática se for feita no jantar, pouco tempo antes de deitar. Pacientes com refluxo também fazer refeições muito leves no jantar.

Controle seu peso

O sobrepeso e a obesidade aumentam o risco de acidez estomacal e devem ser evitados com uma dieta balanceada e prática regular de atividade física.

Controle o estresse

É fundamental que pacientes com refluxo controle o estresse e a ansiedade. Para isso, a prática de atividade física é essencial, pois libera serotonina, que acalma e gera sensação de bem-estar.

Foto: © Tharakorn - Shutterstock.com
Publicado por Pedro.CCM. Última modificação: 14 de outubro de 2017 às 18:45 por Natali_CCM.
Este documento, intitulado 'Refluxo: tratamento sem remédios', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM Saúde (saude.ccm.net) ao utilizar este artigo.