Como curar a dengue

Dezembro 2017

A dengue é uma doença febril aguda causada por um vírus, transmitido principalmente pelo mosquito Aedes aegypti, que se desenvolve em áreas tropicais e subtropicais.


Como curar a dengue clássica

A dengue clássica é curada apenas com a ingestão de muito líquido. Caso haja dores e febre, algum medicamento pode ser receitado. Em alguns casos, é necessária a internação para hidratação endovenosa.

Como curar a dengue hemorrágica

A dengue hemorrágica geralmente é tratada dentro do hospital e, como recomendação, não se deve ingerir medicamentos à base de ácido acetilsalicílico (aspirina) ou que contenham a substância associada, pois eles têm efeito anticoagulante e podem causar sangramentos. Outros anti-inflamatórios não hormonais (diclofenaco, ibuprofeno e piroxicam) também devem ser evitados.

Sintomas da dengue clássica

A dengue clássica desenvolve sintomas que duram de cinco a sete dias e se apresentam principalmente com febre alta com início súbito (39° a 40°C), forte dor de cabeça, dor atrás dos olhos, perda do paladar e apetite, manchas e erupções na pele semelhantes ao sarampo, náuseas e vômitos, tontura, extremo cansaço, moleza e dor no corpo, dor abdominal e dores nos ossos e articulações.

Sintomas da dengue hemorrágica

Os sintomas da dengue hemorrágica são os mesmos da dengue clássica, porém a febre diminui ou cessa após o terceiro ou quarto dia da doença e surgem hemorragias em função do sangramento de pequenos vasos na pele e nos órgãos internos. Esses sintomas vêm acompanhados de queda da pressão, dificuldade respiratória e confusão mental.

Foto: © nechaevkon - Shutterstock.com
Publicado por Natali_CCM. Última modificação: 14 de outubro de 2017 às 18:30 por Natali_CCM.
Este documento, intitulado 'Como curar a dengue', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM Saúde (saude.ccm.net) ao utilizar este artigo.
Osteoporose: causas e tratamento
Hidrocortisona: indicações e efeitos