Pomada anti-inflamatória: quando usar

Julho 2017

O uso de pomadas anti-inflamatórias está largamente difundido no Brasil e é indicado para uma série de tratamentos. Em geral, deve-se utilizar essas pomadas apenas para problemas superficiais e de pequena extensão no corpo, mas é possível utilizá-las para tratar inflamações de maior monta sob prescrição médica.


Quando usar uma pomada anti-inflamatória

Pomadas anti-inflamatórias são recomendadas aliviar dores e inflamações nos músculos, tendões e articulações do corpo. Portanto, seu uso está recomendado durante o tratamento de condições e doenças como tendinite, entorse, artrite, dores de dente e lombalgias. Além disso, essas pomadas podem ser utilizadas contra mordidas de insetos e inchaço associado a quedas e pancadas.

Tipos de pomadas anti-inflamatórias

Há uma série de pomadas anti-inflamatórias disponíveis atualmente em drogarias. Entre elas estão o ibuprofeno, diclofenaco de potássio (Cataflan), salicilato de metila (Calminex). Apenas um médico especialista pode determinar qual pomada utilizar de acordo com seus efeitos e problema apresentado pelo paciente.

Pomada anti-inflamatória para picada de inseto

Picadas de inseto podem ser tratadas com pomadas que combinam efeitos anti-inflamatórios com antialérgicos. Entre elas estão Andantol, Minâncora e Polaramine.

Pomada anti-inflamatória para tendinite

Além do uso de medicamentos em comprimido, a tendinite também pode ser tratada com pomadas anti-inflamatórias, tais como Calminex e Diclofenol.

Pomada anti-inflamatória para a pele

Diversas formas de dermatite, como a dermatite atópica, dermatite seborreica e dermatites de contato, podem ser tratadas com uma pomada anti-inflamatória que combina cetoconazol, betametazona e neomicina.

Foto: © motorolka - Shutterstock.com

Veja também

Publicado por Pedro.Saude. Última modificação: 9 de maio de 2017 às 16:19 por Pedro.Saude.
Este documento, intitulado 'Pomada anti-inflamatória: quando usar', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM Saúde (saude.ccm.net) ao utilizar este artigo.