Creatinina: dosagem no sangue e urina

Dezembro 2017

A creatinina é um produto sintetizado por uma molécula da creatina, indispensável para o funcionamento muscular. A creatinina gera informações úteis sobre a função renal e massa muscular do paciente, pois é transportada pelo sangue e, depois, eliminada na urina. A disfunção de valores, seja no sangue ou na urina, é associada a uma redução da função renal.


Creatininemia

A dosagem de creatinina deve ser feita tanto na urina quanto no sangue. Os valores normais das taxas de creatinina no sangue em homens vão de 0,7 a 1,2 mg/dL (60-110 µmol/L). Para mulheres, eles variam entre 0,5 e 1,0 mg/dL (45-90 µmol/L). Na urina, 1.200 a 2.000 mg/24 h (10,5-18,0 mmol/24 h) para homens e 900 a 1.800 mg/24 h (8,0-16,0 mmol/24 h) para mulheres.


Observação: devem ser considerados na avaliação dos resultados variáveis como idade, eventuais problemas cardíacos ou renais, além de tratamentos médicos.

Variações de valores de creatinina

O nível de creatinina, como dito acima, possui diversas variantes. Um esportista, por exemplo, tem níveis de creatinina muito mais altos que um sedentário já que, sob esforço, os músculos produzem mais creatinina. Uma pessoa que siga uma alimentação rica em proteínas ou que ingere contraceptivos orais também possui valores mais elevados.

Creatinina alta no sangue

Uma concentração alta de creatinina no sangue pode indicar uma redução da função renal da pessoa (insuficiência renal), ou relação com outros males como leucemia, acromegalia, hipertireoidismo, gota, hipertensão e insuficiência cardíaca.

Creatinina baixa no sangue

Um valor baixo de creatinina no sangue é indício de gravidez. Pode também ser sintoma de redução de massa muscular, no caso de pessoas idosas, ou por doenças específicas, ligadas a atrofias. Dieta com baixo nível de proteínas ou problemas de fígado são outras causas possíveis.

Creatinina urinária

Os valores baixos de creatinina na urina podem significar idade avançada, insuficiência renal, obstrução do trato urinário, hipertireoidismo, etc. A creatinina urinária alta pode significar diabetes e acromegalia.

Foto: © Alexander Raths - Shutterstock.com
Artigo original publicado por sante-medecine. Tradução feita por Natali_CCM. Última modificação: 8 de dezembro de 2017 às 08:27 por Pedro.CCM.
Este documento, intitulado 'Creatinina: dosagem no sangue e urina', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM Saúde (saude.ccm.net) ao utilizar este artigo.
Hipnose: aplicações médicas
Escherichia coli: contágio, sintomas e cura