Gota: sintomas e tratamentos

Novembro 2017

A gota é uma espécie de artrite que surge como consequência do aumento da presença de ácido úrico no sangue. As dores intensas e a deformação das articulações são sintomas típicos, que atingem cerca de 70% das pessoas que sofrem a primeira crise de gota.


Sintomas de gota

As crises de gota surgem de maneira intensa, geralmente à noite, com uma sensação de pressão e frio intensos. As dores, latejantes, fazem com que a pessoa fique na cama, já que ela geralmente apresenta dificuldade para se manter em pé e qualquer tipo de contato com a zona afetada gera uma forte dor. Os sintomas inflamatórios incluem edemas, dores fortes e mudança de coloração da pele, que fica mais avermelhada.

Quanto tempo dura uma crise de gota

Uma crise aguda de gota dura de três a dez dias, sem tratamento.

Articulações afetadas pela gota

Em geral, no início, a gota atinge apenas uma articulação, mas depois a dor pode se espalhar para outras articulações, além dos pés, como na canela, nos joelhos, no punho, nos cotovelos e nas mãos, ao passo que quadris e coluna vertebral não são acometidos por esse mal.

Tratamento e medicamentos para gota

Entre os diversos medicamentos indicados para combater a gota estão os que aliviam as dores e reduzem as inflamações e o nível de ácido úrico no sangue. Para evitar as crises, é importante hidratar-se muito bem para eliminar o ácido úrico, manter o peso regulado e evitar o consumo de álcool e de alimentos ricos ricos em purina, como os crustáceos.

Foto: © GlebStock - Shutterstock.com
Artigo original publicado por p.horde. Tradução feita por Natali_CCM. Última modificação: 21 de novembro de 2016 às 11:58 por Pedro.CCM.
Este documento, intitulado 'Gota: sintomas e tratamentos', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM Saúde (saude.ccm.net) ao utilizar este artigo.