Complacência - Definição

Dezembro 2017


Definição de complacência

A complacência é a capacidade do órgão adaptar seu volume a uma pressão, correspondendo às suas capacidades de flexibilidade e distensão. Uma boa complacência indica que um órgão é capaz de inflar em resposta ao aumento do seu conteúdo, graças às suas fibras elásticas, e retornar à sua forma original quando a pressão cai dentro dele. Os pulmões ou coração são órgãos com boa complacência na ausência de distúrbios. Pulmões doentes, principalmente em casos de fibrose pulmonar, têm complacência diminuída. Quando a complacência ventricular diminui no coração, a ejeção de sangue e a circulação diminuem.

Veja também

Publicado por asevere. Última modificação: 27 de novembro de 2017 às 09:13 por Pedro.CCM.
Este documento, intitulado 'Complacência - Definição', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM Saúde (saude.ccm.net) ao utilizar este artigo.