Convulsão do bebê - Definição

Novembro 2017


Definição de convulsão do bebê

As convulsões nos bebês não são necessariamente graves, mas as crianças que apresentam esses movimentos anormais devem ser examinadas. As convulsões podem aparecer em um contexto de febre, sendo essas as convulsões hipertérmicas, que não são graves nem deixam qualquer sequela. Ela se manifesta em geral por espasmos involuntários por contrações dos músculos do bebê com uma perda de contato durante a crise que dura alguns segundos. Uma perda de consciência durante a convulsão é possível. É importante diferenciar uma crise convulsiva hipertérmica de uma crise convulsiva patológica, que pode gerar suspeita de epilepsia. Em função do contexto, um eletroencefalograma que registra a atividade elétrica do cérebro da criança pode ser feito.
Publicado por asevere. Última modificação: 14 de dezembro de 2015 às 14:44 por Pedro.CCM.
Este documento, intitulado 'Convulsão do bebê - Definição', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM Saúde (saude.ccm.net) ao utilizar este artigo.