Como tratar a fimose

Abril 2017

A fimose é uma anomalia do prepúcio (pele que recobre a glande) que provoca o estreitamento do seu orifício e impede que ele seja puxado inteiramente, deixando a glande visível. A fimose é uma condição de pouca importância quando se apresenta em bebês e crianças, mas que requer tratamento especializado entre jovens e adultos. Veja algumas formas de garantir a cura da fimose.


Tratamento com medicamentos de uso tópico

O uso de um creme à base de cortisona durante cerca de um mês permite que a pele do prepúcio se estire. Esse tratamento está indicado para casos de fimose simples em crianças e deve ser prescrito após uma consulta ao urologista. Caso a aplicação da pomada não seja eficaz, o médico deve proceder a uma intervenção cirúrgica para resolver o problema.

Tratamento da parafimose

Na parafimose - uma complicação da fimose -, o prepúcio se retrai inteiramente, mas não consegue retornar para sua posição original. Esse quadro pode bloquear a circulação sanguínea para o pênis e por isso exige uma cirurgia imediata para separar o prepúcio da glande.

Tratamento cirúrgico da fimose

O tratamento cirúrgico consiste na realização de uma circuncisão, que pode ser total ou parcial dependendo das necessidades do paciente. Tanto crianças quanto adultos podem passar por essa operação. Nos pequenos, porém, ela deve ser feita sob anestesia geral.

Recuperação após cirurgia de fimose

Em média, o período de cicatrização leva de duas a quatro semanas. Durante esse tempo, o homem deve manter a região protegida e seguir as recomendações de seu médico quanto aos cuidados na hora de lavar o pênis. Ao longo da cicatrização, as relações sexuais com penetração e sexo oral devem ser suspensas sob risco de sangramentos e outras complicações. A masturbação também não deve ocorrer nestas semanas.

Complicações da fimose

A fimose, apesar de parecer simples e ter tratamento seguro, pode desencadear complicações caso não seja tratada a tempo. Entre elas estão, além da parafimose, dores durante o sexo ou masturbação, infecções da glande causando lesões e mau cheiro e aumento do risco de se contrair uma doença sexualmente transmissível (DST).

Foto: © sharptoyou - Shutterstock.com

Veja também

Artigo original publicado por . Tradução feita por Pedro.Saude. Última modificação: 15 de fevereiro de 2017 às 13:22 por Natali.Saude.
Este documento, intitulado 'Como tratar a fimose', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM Saúde (saude.ccm.net) ao utilizar este artigo.