Quase metade dos brasileiros têm refluxo

Natali.Saude - 28 de setembro de 2016 - 17:27

Quase metade dos brasileiros têm refluxo

Mudança de hábitos alimentares é essencial para não depender da medicação para a vida toda

(CCM SAÚDE) — O refluxo é um mal que acompanha a rotina de quase metade dos brasileiros, que precisam tomar remédios para diminuir a acidez do estômago. Entretanto, hábitos saudáveis de alimentação podem evitar que determinados sintomas incomodem a pessoa todos os dias, evitando a ingestão de medicamentos.

Pessoas com refluxo sofrem com o retorno do conteúdo do estômago pelo esôfago. Essa volta pode ocasionar sintomas como ânsia de vômito, tosse, dores no abdômen e no peito, indigestão, flatulência e arroto.

Para melhorar e reduzir esses sintomas, pessoas obesas, por exemplo, devem perder peso, já que os quilos a mais fazem pressão no abdômen e a comida volta. Além disso, deve-se evitar tomar muito líquido de uma vez só, evitar comer muito ou ingerir muito líquido antes da atividade física e cortar do cardápio chocolate, chá, café e vinho.

No caso de comidas muito quentes ou muito frias, a dica é esperar que elas esfriem ou aqueçam um pouco antes de ingerir. Alimentos gordurosos como queijos gordos, doces e frituras demoram mais para fazer digestão e também devem ser evitados. Por isso, escolher alimentos integrais é uma boa opção.

Foto: © BlueSkyImage - Shutterstock.com
Siga o CCM Saúde no Twitter