Antibiótico contra fungos descoberto em formigas

Natali.Saude - 7 de novembro de 2016 - 09:49

Antibiótico contra fungos descoberto em formigas

Substância tem a capacidade de inibir o crescimento da Candida albicans, fungo muito comum em humanos

(CCM SAÚDE) — Cientistas da Costa Rica e dos Estados Unidos criaram um novo antibiótico com propriedades antifúngicas a partir de uma bactéria ligada a uma formiga que vive na floresta tropical costa-riquenha. Batizado de selvamicina, o antibiótico inibe o crescimento da Candida albicans, fungo muito comum em humanos.

De acordo com a Universidade da Costa Rica (UCR), a selvamicina foi identificada a partir de uma bactéria associada às formigas do gênero Apterostigma, que cultivam fungos para a sua alimentação. Esse antibiótico é composto por uma estrutura parecida à Nistatina A1 e à Anfotericina B, antimicóticos que têm características nocivas para os humanos, como sua alta toxicidade.

Além disso, "a resistência a drogas antimicrobianas é um problema global de saúde pública e a busca por novas moléculas com estas propriedades resulta essencial e urgente", afirmou o vice-reitor de pesquisa da UCR, Fernando García.

Adrián Pinto, membro da equipe de pesquisadores, explicou que vem trabalhando com pesquisas sobre as formigas no seu habitat natural desde 2009. A identificação do antibiótico "reforça a ideia de que há muito por descobrir e que as formigas são fonte de muitos produtos dos quais a sociedade necessita", comentou Pinto.

Foto: © Sebastian Kaulitzki - Shutterstock.com
Siga o CCM Saúde no Twitter