Alergia na gravidez relacionada ao autismo

Pedro.Saude - 21 de novembro de 2016 - 10:24

Alergia na gravidez relacionada ao autismo

Hiperatividade também foi percebida em ratos expostos a um alergênico durante a gestação

(CCM SAÚDE) — Reações alérgicas durante a gravidez podem influir no desenvolvimento de autismo e hiperatividade entre crianças. A hipótese foi formulada após experimento com ratos realizado na Universidade Ohio State, nos Estados Unidos.



No estudo, comandado pela pesquisadora Kathryn Lenz, fêmeas grávidas foram expostas a produtos alergênicos 15 dias após o início da gestação. Em comparação com o grupo controle, seus filhotes apresentaram maiores sinais de hiperatividade e comportamento antissocial. Por outro lado, esses ratos tinham menos ocorrências de ansiedade.

"O experimento evidencia que a exposição pré-natal a alergênicos altera o desenvolvimento cerebral e pode ser um fator ainda desconhecido para o surgimento de distúrbios neurológicos em crianças", aponta a psicóloga.

Durante o trabalho, a equipe de pesquisa também buscou diferenças nas funções cerebrais e no comportamento de machos e fêmeas já que distúrbios como o autismo são até quatro vezes mais frequentes entre meninos. No entanto, tal relação não foi percebida nos roedores.

Foto: © Pixabay.
Siga o CCM Saúde no Twitter