Cães podem se lembrar de ações do dono

Natali.Saude - 24 de novembro de 2016 - 09:24

Cães podem se lembrar de ações do dono

Pesquisa desvenda a primeira evidência de memória episódica em cachorros

(CCM SAÚDE) — Um estudo sugere que a capacidade de os cachorros se lembrarem das coisas é muito maior do que se imagina. Em artigo publicado na 'Current Biology', pesquisadores dizem que eles guardam todas as memórias do passado recente.



Essa recordação, também chamada de memória episódica, é a capacidade de viajar mentalmente no tempo e lembrar de detalhes sobre um evento. Para chegarem a essa conclusão, os pesquisadores adaptaram uma técnica de treinamento chamada 'Do As I Do' (faça como eu faço, em inglês) para o estudo, realizado com 17 cães, que permite que esses animais respondam com seu comportamento se eles se lembram de determinados eventos.

"Cães treinados com este método podem imitar ações de seus donos, mesmo depois de um intervalo de 24 horas", disse a pesquisadora. "Assim, dar aos cães o comando 'faça' depois de um tempo é de certa forma semelhante a perguntar a eles: 'você se lembra do que seu dono fez?'", aponta Claudia Fugazza, principal autora do estudo. Ela diz que o método vai além da imitação de uma ação, investigando se um cão pode inesperadamente se lembrar de uma ação do passado.

O resultado é "a primeira evidência de memória episódica de ações alheias em uma espécie não humana e é o primeiro relato desse tipo de memória em cães", afirma o artigo. "Os cães têm ótimas memórias de um monte de eventos e este estudo mostra que ainda estamos aprendendo o quão boa a sua memória realmente é", disse Marc Bekoff, um ecólogo comportamental e ex-pesquisador da Universidade do Colorado, nos Estados Unidos.

Foto: © Monkey Business Images - Shutterstock.com
Siga o CCM Saúde no Twitter