Uso de Facebook no Natal gera depressão

Natali.Saude - 23 de dezembro de 2016 - 11:48

Uso de Facebook no Natal gera depressão

Estudo realizado na Dinamarca diz que uso excessivo de redes sociais pode desencadear sentimentos de inveja

(CCM SAÚDE) — Ver fotos de “famílias perfeitas” ou de amigos se divertindo no Natal pode deixar as pessoas mais deprimidas. Essa afirmação vem de um estudo realizado na Universidade de Copenhague, na Dinamarca, que sugere que o uso excessivo das redes sociais, especialmente o Facebook, pode desencadear sentimentos de inveja, especialmente neste período do ano.



A pesquisa faz um alerta para o efeito negativo do hábito de acompanhar a vida dos outros sem ter relações de amizade com efetivamente ninguém. Para essa pesquisa, foram entrevistadas mais de 1.300 pessoas, a maioria mulheres, que disseram que o "uso regular de redes sociais como o Facebook pode afetar negativamente o seu bem-estar emocional e sua satisfação com a vida".

Os estudiosos dizem que sentimentos como inveja e deterioração do humor são gerados por longos períodos de bisbilhotagem nas redes sociais, o que leva a "comparações irreais" diante de fotos perfeitas, situações de felicidade e bem-estar.

Para combater isso, eles recomendam que as pessoas se engajem diretamente em uma conversa e se envolvam com pessoas na rede social. Outra maneira de combater esses sentimentos é se manter distante das redes sociais durante essa semana de Natal e Ano Novo.

Foto: © Lighthunter - Shutterstock.com
Siga o CCM Saúde no Twitter