Descoberto um novo órgão do corpo humano

Natali.Saude - 4 de janeiro de 2017 - 11:02

Descoberto um novo órgão do corpo humano

Estrutura era considerada, há pouco tempo, como apenas um ligamento do aparelho digestivo

(CCM SAÚDE) — Leonardo da Vinci, em seus escritos sobre a anatomia humana no século XVI, já apontava para a existência do mesentério, até então descrito como um ligamento do aparelho digestivo e que agora foi reclassificado.



Após um estudo de mais de seis anos, cientistas afirmaram que essa estrutura é, na verdade, um órgão único e contínuo. "Este órgão está longe de ser fragmentado; é uma estrutura simples, contínua e única", assinalou J. Calvin Coffey, pesquisador do University Hospital Limerick, na Irlanda, responsável pela equipe que realizou a descoberta.

"No estudo, que foi revisado e aprovado por colegas, dizemos que agora temos um órgão no corpo que até esta data não era reconhecido como tal", assinalou Coffey.

O mesentério nada mais é do que uma dobra dupla do peritônio - como se chama o revestimento da cavidade abdominal - que une o intestino com a parede do abdômen e permite que ele se mantenha no lugar.

Depois de detalhar estrutura e características anatômicas, cientistas pretendem agora entender melhor a função do novo órgão, além de proporcionar sustentação e permitir a irrigação sanguínea às vísceras.

"Se entendemos sua função, podemos identificar as anomalias, e estabelecer quando há uma doença, ou seja, quando o órgão passe a funcionar de modo anormal", afirma Coffey, em nota enviada à imprensa. O estudo, afirmam os especialistas, pode ser a chave para entender melhor algumas doenças abdominais e digestivas, bem como aprimorar os tratamentos atuais.

Foto: © Africa Studio - Shutterstock.com
Siga o CCM Saúde no Twitter