Fratura em diabéticos ganha novo tratamento

Natali.Saude - 12 de janeiro de 2017 - 10:34

Fratura em diabéticos ganha novo tratamento

Cientistas perceberam que proteína que estimula atividade das células-tronco ajuda a restaurar ossos

(CCM SAÚDE) — O diabetes é uma doença que ainda desafia os médicos e gera muitas complicações à saúde de quem o tem. Um problema em especial é a dificuldade de se recuperar de fraturas ósseas e, pensando nisso, pesquisadores da Faculdade de Medicina da Universidade de Stanford, nos Estados Unidos, promoveram um estudo com ratos para descobrir a origem desse mal.

Na pesquisa, eles perceberam que uma proteína responsável por estimular a atividade das células-tronco esqueléticas (SSC, na sigla em inglês) ajuda a restaurar o osso quebrado. A descoberta, além de elucidar um mecanismo até então desconhecido, pode, segundo os autores, levar ao desenvolvimento de uma abordagem terapêutica.

“O diabetes é um problema descontrolado em todo o mundo, e qualquer coisa que melhore a habilidade das pessoas afetadas de sarar das fraturas pode ter um efeito positivo imenso na qualidade de vida delas”, observa Michael Longaker, codiretor do Instituto de Biologia de Células-Tronco e Medicina Regenerativa de Stanford.

Segundo o especialista, o estudo surgiu quando perceberam que ratos sem quantidade suficiente das proteínas tinham muito mais dificuldade de se recuperarem de fraturas. "Isso nos fez pensar: 'será que o diabetes afeta a capacidade de recuperação ao modular, de alguma forma, a atividade dessas células?'", explica Charles Chan, pesquisador do instituto e coautor do artigo.

Foto: © ratmaner - Shutterstock.com
Siga o CCM Saúde no Twitter