Mal da urina preta se assemelha a casos antigos

Natali.Saude - 13 de janeiro de 2017 - 10:23

Mal da urina preta se assemelha a casos antigos

Pesquisadores analisaram amostras anteriores para tentar descobrir causa de surto na Bahia

(CCM SAÚDE) — A doença da urina preta, que atinge a Bahia e o Ceará, já teve casos semelhantes na Suécia, União Soviética e Estados Unidos. A suspeita é de intoxicação pelo consumo de peixe ou infecção por paraechovírus (vírus de RNA, como o zika).

Anteriormente no Brasil, em 2008, um surto com 27 pessoas afetadas pela doença de Haff foi associado ao consumo dos peixes pacu-manteiga, tambaqui e pirapitinga no Amazonas. A doença de Haff foi identificada no verão de 1924 e é caracterizada por grave rigidez muscular, frequentemente acompanhada por urina escura - mesmos sintomas da doença registradas neste ano no Brasil. Entre 1934 e 1984, casos similares da doença foram descritos na Suécia e na União Soviética. Nos EUA, os primeiros casos foram registrados em 1984.

"Está reportada na literatura uma síndrome semelhante a essa [da Bahia], que decorre de uma toxina ingerida por peixes. Isso em várias partes do mundo. Até hoje não se sabe como os peixes acabam contaminados por isso", afirmou, ao site 'G1', o infectologista Antônio Bandeira, coordenador do comitê de arboviroses da Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI). "Tem uma doença chamada 'mialgia epidêmica', que causa exatamente isso: dores musculares fortes e aumento das enzimas musculares", disse Bandeira, lembrando a outra hipótese.

A mialgia epidêmica, ou doença de Bornholm, é causada pelo enterovírus Coxsackie B ou outros vírus. "Nós começamos acreditando nessa hipótese, mas ponderamos. Um percentual expressivo dos pacientes que têm essa síndrome - cerca de 30% a 40%- tem outros quadros, como dores abdominais, às vezes diarreia", disse. Nos casos da Bahia, ainda não foram registrados outros sintomas além de dor muscular extrema, urina preta e insuficiência renal.

Foto: © pedrosala - Shutterstock.com
Siga o CCM Saúde no Twitter