Batata frita pode ser mais saudável que a cozida

Natali.Saude - 27 de janeiro de 2017 - 09:31

Batata frita pode ser mais saudável que a cozida

Condição para que isso aconteça é que ela seja frita com azeite, que libera propriedades saudáveis

(CCM SAÚDE) — Quando se fala em fritar algum alimento, a primeira coisa que vem à cabeça são os prejuízos causados pela gordura, porém uma descoberta de cientistas da Universidade de Granada, na Espanha, revela que isso nem sempre é verdade.



Segundo eles, preparar vegetais como batata, tomate, abóbora e berinjela fritos é considerado o melhor método para extrair propriedades benéficas. Mas há um detalhe importante: tudo deve ser frito com azeite de oliva. Esse modo de preparação aumenta a capacidade antioxidante dos alimentos e também o número de compostos responsáveis por prevenir doenças crônicas como o câncer, diabetes ou degeneração macular, que causa perda da visão.

Na pesquisa, os vegetais sem casca foram separados em três grupos: fritos e salteados em azeite de oliva, cozidos em água e cozidos em água e azeite. As preparações durante o estudo seguiram receitas tradicionais da Espanha.

A professora Cristina Samaniego, orientadora do projeto, explica que, ao usar azeite como transmissor de calor, o óleo também transfere compostos, exclusivos do produto, para os vegetais. A pesquisadora ressalta que cozinhar pode ser recomendado "quando a comida é consumida junto com a água usada na preparação, já que o acréscimo do azeite de oliva melhora as propriedades e compensa as deficiências da comida crua", afirma.

Foto: © Africa-Studio - Shutterstock.com
Siga o CCM Saúde no Twitter