Sobrepeso na grávida: risco de epilepsia no bebê

Natali.Saude - 11 de abril de 2017 - 09:50

Sobrepeso na grávida: risco de epilepsia no bebê

Pesquisa sueca aponta que risco de epilepsia em criança é proporcional ao sobrepeso da mãe

(CCM SAÚDE) — Um estudo do Instituto Karolinska em Estocolmo, na Suécia, confirmou que a obesidade e o sobrepeso no primeiro trimestre de gravidez estão relacionados a um risco maior de o bebê desenvolver epilepsia.



Baseada em dados de 1,4 milhão de crianças na Suécia, a pesquisa mostra que mulheres que eram obesas, com IMC de 30 a 35, tinham 20% mais chance de ter um filho com epilepsia do que as mulheres com peso normal. O IMC é calculado dividindo o peso - em quilogramas - pela altura - em centímetros - elevada ao quadrado.

Para as mulheres com IMC de 35 a 40, o risco aumentou 30%, e para gestantes com obesidade mórbida, o risco foi 82% maior. Para os pesquisadores, o excesso de peso na gravidez eleva o maior risco de lesão cerebral em bebês.

"Visto que o sobrepeso e a obesidade são fatores de risco potencialmente modificáveis, a prevenção da obesidade em mulheres em idade reprodutiva pode ser uma importante estratégia de saúde pública para reduzir a incidência de epilepsia", disse o estudo.

Foto: © Patryk Kosmider - Shutterstock.com

Siga o CCM Saúde no Twitter