Combinação álcool e direção cresce no Brasil

Pedro.Saude - 19 de abril de 2017 - 09:01

Combinação álcool e direção cresce no Brasil

Consumo excessivo de bebidas alcoólicas também registrou aumento em pesquisa do Ministério da Saúde

(CCM SAÚDE) — O índice de brasileiros que dirige após ingerir bebida alcoólica aumentou em 2016. O crescimento foi verificado pela pesquisa Vigilância de Fatores de Risco para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel), do Ministério da Saúde.

De acordo com o levantamento, que ouviu 53.210 pessoas em todas as capitais do país, 12,9% dos homens e 2,5% das mulheres afirmaram ter dirigido sob efeito do álcool no último ano. Em 2013, primeiro ano de pesquisa após a aprovação da Lei Seca, os índices eram, respectivamente, de 9,4% e 1,6%.

A combinação álcool e direção se mostra mais presente conforme aumentam os anos de estudo da população. Em média, a taxa chega a 12,3% entre aqueles com 12 anos ou mais de escolaridade. Por outro lado, ela é de apenas 3,2% no grupo com até 8 anos de escolaridade.

A pesquisa também mostra que o consumo de álcool em excesso aumentou na última década, principalmente entre as mulheres. Enquanto a taxa de homens que ingeriu cinco ou mais doses ao menos uma vez durante o ano passou de 25% em 2006 para 27,3% em 2016, o crescimento entre elas foi superior a 60%, indo de 7,8% para 12,1%.

Foto: © Dmitry Kalinovsky - 123RF.com
Siga o CCM Saúde no Twitter