OMS: trânsito é o que mais mata adolescentes

Pedro.Saude - 17 de maio de 2017 - 11:40

OMS: trânsito é o que mais mata adolescentes

Ao todo, 1,2 milhão de jovens de 10 a 19 anos perdem a vida anualmente, de acordo com levantamento

(CCM SAÚDE) — Acidentes de trânsito são a principal causa de mortes de adolescentes entre 10 e 19 anos em todo o mundo, aponta pesquisa da Organização Mundial da Saúde (OMS). Por ano, 1,2 milhão de jovens perdem a vida. Os dados são de 2015.

Segundo o levantamento, dois em cada três óbitos de adolescentes ocorrem em países de baixa e média renda da África e Ásia. Em números gerais, 115 mil jovens morrem todos os anos por acidentes, a maioria na condição de pedestre ou ciclista. Apesar disso, Aids, meningite, diarreia e infecções respiratórias são os maiores fatores no continente africano.

As infecções respiratórias, aliás, são a segunda causa geral de mortes de jovens, com cerca de 70 mil casos por ano. Logo depois, completam as cinco primeiras posições ocorrências de suicídio (67 mil), diarreia (63 mil) e afogamento (57 mil).

Entre as adolescentes, a OMS também chamou atenção para as mortes por problemas decorrentes da gravidez ou parto. Anualmente, 28 mil óbitos de jovens são causados por estas condições. Já entre os homens, a violência é a segunda principal causa, com 42 mil mortes.

Foto: © Dmitry Kalinovsky - 123RF.com