Tabaco causa prejuízo de R$ 56,9 bilhões ao país

Pedro.Saude - 1 de junho de 2017 - 08:30

Tabaco causa prejuízo de R$ 56,9 bilhões ao país

Estudo calculou gastos de saúde e perda de produtividade; ao ano, mais de 150 mil morrem pelo consumo

(CCM SAÚDE) — A economia do Brasil tem um prejuízo anual de R$ 56,9 bilhões por conta consumo de tabaco, revela pesquisa inédita da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e da Universidade de Buenos Aires, na Argentina.



Segundo o levantamento, o déficit diz respeito a custos direitos com a saúde de pessoas afetadas pelo cigarro nas redes pública e privada (R$ 39,4 bi) e perdas de produtividade na economia por incapacidade e morte prematura (R$ 17,5 bi). Além disso, o estudo registrou que a arrecadação com a venda de cigarro é de apenas R$ 12 bilhões, deixando um rombo de mais de R$ 40 bi.

Com relação aos gastos médicos, o maior deles é proveniente do tratamento de doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC), de R$ 16 bilhões. Na sequência estão doenças cardíacas (R$ 10,3 bi) e câncer (R$ 6,3 bi). Neste último grupo, apenas o câncer de pulmão responde por R$ 2,3 bi. Já o tabagismo passivo é responsável por custos da ordem de R$ 4,5 bilhões.

A pesquisa também calculou os óbitos provocados pelo tabaco. Em 2015, 156.216 pessoas morreram em decorrência do consumo de cigarro, o que representa 12,6% dos óbitos de pessoas com mais de 35 anos. Cerca de um terço delas (50.413) são causadas por câncer, sendo 23 mil por câncer de pulmão.

Uma simulação realizada pelos pesquisadores também demonstrou que o aumento de 50% nos impostos sobre o cigarro evitariam, em dez anos, a morte de 136.482 pessoas e mais de 500 mil infartos e 60 mil diagnósticos de câncer. Além disso, a economia acumulada no período seria de R$ 97,9 bilhões.

Foto: © dolgachov - 123RF.com