Tomar café diminui o risco de morte precoce

Natali_CCM - 11 de julho de 2017 - 09:20

Tomar café diminui o risco de morte precoce

Estudos feitos em Londres mostram que até três xícaras da bebida por dia são benéficas

(CCM SAÚDE) — O café é alvo de diversas pesquisas a respeito de seus efeitos benéficos e maléficos no organismo. Agora, um estudo publicado na revista 'Annals of Internal Medicine' garante que ele diminui as chances de morrer.

Para chegar a essa conclusão foram realizadas duas pesquisas: uma pela Agência Internacional de Pesquisa sobre Câncer do Imperial College London, indicando que quem ingere até três xícaras por dia tem menor risco de morte e a outra, feita na Universidade do Sul da Califórnia, que afirma que a análise da cor da pele é importante para determinar a reação do organismo ao consumo do café.

Ao avaliar dez países europeus e mais de 500 mil homens e mulheres, a pesquisa indicou que quem toma uma xícara de café por dia é 12% menos propenso a morrer do que quem não bebe. Se o consumo é de duas a três xícaras por dia, o risco cai 18%.

"Não podemos dizer que o café te deixará ficar mais velho, mas vemos uma associação", disse Veronica Setiawan, autora do estudo. "Se você gosta de tomar café, beba. Se você não é um bebedor de café, então pode considerar começar a tomar", completou, enfatizando que a variante descafeinada também traz benefícios.

Embora haja polêmicas em relação ao seu consumo, o café está relacionado a uma menor chance de morrer por doenças do coração, infarto, diabetes, doenças respiratórias e renais.

Foto: © dolgachov - 123RF.com