Em teste, vacina contra o zika protege fetos

Natali_CCM - 14 de julho de 2017 - 09:56

Em teste, vacina contra o zika protege fetos

Estudo, conduzido no Brasil, avaliou a eficiência de dois tipos de vacina em roedores

(CCM SAÚDE) — Duas vacinas contra o zika vírus foram testadas com sucesso pelos cientistas do Instituto Evandro Chagas, no Pará. No experimento, eles protegeram os fetos de fêmeas de camundongos infectadas pelo vírus.



Publicados na revista especializada 'Cell', os estudos são um importante avanço para combater a epidemia de microcefalia que atingiu seu ápice no final de 2015. Feita em parceria com a Universidade de Washington, da Universidade do Texas e do Instituto Nacional de Alergia e Doenças Infecciosas (NIAID) dos Estados Unidos, a pesquisa teve como foco duas vacinas.

A primeira foi feita a partir de RNA mensageiro modificado e, a segunda, foi produzida a partir de um vírus vivo atenuado. O resultado foi que os fetos das fêmeas de roedores que receberam as vacinas não apresentaram sinais de infecção por zika, ao passo que os que receberam o placebo foram infectados e tiveram graves lesões na placenta.

Embora existam diversas vacinas contra a zika sendo testadas em humanos atualmente, por ora nenhuma recebeu registro.

Foto: © Jarun Ontakrai - Shutterstock.com