Infecção por HIV cresceu 3% no país desde 2010

Pedro.CCM - 21 de julho de 2017 - 12:45

Infecção por HIV cresceu 3% no país desde 2010

Ao todo, sete países concentram 90% dos novos casos de Aids registrados na América Latina

(CCM SAÚDE) — O número de infecções por HIV cresceu 3% no Brasil entre 2010 e 2016, aponta relatório divulgado nesta quinta-feira (20) pela Unaids, agência das Nações Unidas para o combate e prevenção à Aids.



Os dados do levantamento demonstram que o país está atualmente na contramão da tendência de queda e estabilização dos casos de Aids na América Latina. No mesmo período, a região teve leve redução na média de novas infecções, que passaram de 96 mil em 2010 para 94 mil no ano passado.

O crescimento brasileiro, no entanto, é menor que o registrado em outros países. No Chile, por exemplo, a Unaids calcula um aumento de 34% nas notificações de infecção por HIV. Na Guatemala, a subida é de 23% e na Costa Rica, 16%. Por outro lado, Colômbia, El Salvador e Uruguai tiveram quedas da ordem de 20% cada um.

Os números também indicam que 90% dos novos casos de Aids na América Latina no período pesquisado se concentram nos sete países com alta das notificações (Argentina, Brasil, Chile, Costa Rica, Guatemala, Honduras e Panamá). Apenas o Brasil totalizou 49% de todos os registros da região.

Foto: © HONGQI ZHANG - 123RF.com