Diabetes: beber sempre (e pouco) reduz riscos

Natali_CCM - 28 de julho de 2017 - 13:19

Diabetes: beber sempre (e pouco) reduz riscos

Pesquisa indica que pessoas que bebem de três a quatro vezes por semana têm menos chances de ter a doença

(CCM SAÚDE) — Um estudo dinamarquês indica o que poucos imaginavam: quem bebe de três a quatro vezes por semana tem menos chance de desenvolver o diabetes do que quem não bebe.

De acordo com os cientistas, beber moderadamente com a frequência citada acima reduz em 32% as chances de mulheres terem diabetes e em 27% a probabilidade de homens desenvolverem a doença na comparação com quem consome álcool menos de uma vez por semana.

"Descobrimos que a frequência com que se bebe tem um efeito independente da quantidade de álcool consumido", diz a professora Janne Tolstrup, do Instituto Nacional de Saúde Pública da Universidade do Sul da Dinamarca. "Notamos que o efeito é melhor quando se consome álcool em quatro porções do que em apenas uma", completa.

O estudo se baseou em dados de mais de 76 mil dinamarqueses, que foram acompanhados, em média, por cinco anos, e tiveram amostras de sangue e informações sobre condições de saúde coletadas. Após os cinco anos, 859 homens e 887 mulheres desenvolveram diabetes.

Em relação ao tipo de álcool ingerido, o vinho se mostrou benéfico em razão dos polifenóis presentes na bebida. Para homens, a média de sete taças de vinho por semana representava 30% menos chances de diabetes. Para as mulheres, a média foi de uma aduas taças semanais.

A cerveja também gerou resultados positivos. Quem consumia de uma a seis unidades por semana tinha 21% menos riscos entre os homens. Para as mulheres não houve diferença, para quem o consumo de destilados tenha mostrado que os riscos aumentam.

Emily Burns, da organização Diabetes UK, ressalta que o impacto do álcool sobre o diabetes continua presente e, por isso, cautela é fundamental. "Não é recomendável que as pessoas enxerguem isso como um sinal verde para se beber mais do que as atuais diretrizes", disse.

As recomendações atuais indicam que homens e mulheres não devem beber mais do que 14 unidades de álcool por semana, o equivalente a seis pints (medida inglesa que corresponde a 560 ml) de cerveja ou dez taças pequenas de vinho, com intervalo de três dias ou mais.

Foto: © Africa Studio - Shutterstock.com