Remédio para diabetes pode tratar Parkinson

Pedro.CCM - 7 de agosto de 2017 - 08:50

Remédio para diabetes pode tratar Parkinson

Descoberta foi classificada como promissora por pesquisadores; tratamento durou quase um ano

(CCM SAÚDE) — Um remédio utilizado para o tratamento da diabetes tipo 2 é uma nova esperança para portadores do mal de Parkinson. Estudo da University College London, no Reino Unido, mostrou que o medicamento é capaz de combater a doença.



A exenatida, substância utilizada no experimento, integra uma nova classe de medicamentos contra a diabetes introduzida no mercado em 2005. No estudo, 30 pacientes com Parkinson fizeram injeções semanais do produto ao longo de 48 semanas enquanto outros 30 receberam apenas um placebo. Todos mantiveram seus tratamentos convencionais simultaneamente.

Ao final deste período, os membros do primeiro grupo apresentaram melhores resultados em testes de capacidade motora que os demais. Dentro de um escore de 132 pontos, esses pacientes obtiveram até quatro pontos a mais que o grupo que tomou o placebo.

"Essa descoberta é muito promissora, pois a droga demonstrou potencial de afetar o curso da doença e não apenas os sintomas. Os tratamentos atuais, nós conseguimos aliviar os sintomas, mas a doença continua a se agravar", explica o neurologista Tom Foltynie, líder da pesquisa.

Segundo o cientistas, os próximos estudos deverão ter mais participantes e durarem mais tempo para se buscar comprovar que o uso da exenatida melhora a qualidade de vida geral de portadores do mal de Parkinson.

Foto: © Syda Productions - Shutterstock.com