Metas, idiomas e sono mantêm cérebro bem

Natali_CCM - 2 de outubro de 2017 - 09:47

Metas, idiomas e sono mantêm cérebro bem

Cientista Facundo Manes lista 11 dicas para estimular o cérebro e preservá-lo na idade avançada

(CCM SAÚDE) — Em recente encontro de especialistas em Washington, ações para manter o cérebro saudável durante o envelhecimento estiveram em pauta. A conclusão resultou em uma série de ações para viver melhor.



Segundo os pesquisadores, que se encontraram no Global Council on Brain Health, o cérebro muda constantemente e, por isso, é necessário estimulá-lo de maneira também contínua para mantê-lo vivo. Facundo Manes, único latinoamericano a participar do evento, listou 11 iniciativas ideais para o cérebro à 'BBC Brasil'.

O primeiro deles é propor metas e desafios intelectuais, bem como aprender coisas novas; depois aparece a valorização da vida social, cultivar relacionamentos, reconhecer sentimentos, pensar positivamente, não se aposentar totalmente para manter o cérebro ativo, comer de forma saudável, praticar esportes, aprender um idioma, dormir bem e manter o corpo em dia, com controle de taxas.

Todas essas recomendações, segundo o cientista, ajudam a envelhecer bem e manter a mente sã, evitando doenças neurodegenerativas como o mal de Alzheimer ou o Parkinson. Além disso, controlar a pressão arterial, os níveis de glicose no sangue, ácido fólico, vitamina B12 e peso são fundamentais para manter o cérebro saudável.

Foto: © Triff - Shutterstock.com