Obesidade em jovens aumentou oito vezes

Natali_CCM - 11 de outubro de 2017 - 09:13

Obesidade em jovens aumentou oito vezes

No prazo de 40 anos, Brasil se mostrou como um país acima da média de peso; tendência é piorar

(CCM SAÚDE) — O surto de obesidade que atinge o mundo teve início há 40 anos. É o que aponta um estudo da Organização Mundial da Saúde (OMS) do Imperial College de Londres: em 40 anos, a taxa de crianças e jovens obesos subiu oito vezes.



Segundo as estatísticas apontam, no ritmo atual, até 2022 haverá mais pessoas de cinco a 19 anos obesas do que com peso abaixo do ideal. Essa conclusão foi obtida a partir de dados de 31,5 milhões de pessoas nessa faixa etária, coletados de mais de 200 países.

No mundo todo, as taxas de obesidade são de 6% para meninas e 8% para meninos. O Brasil apresenta um quadro mais preocupante, com 9,4% das meninas obesas e 12,7% dos meninos nessa condição.

Publicado na revista 'The Lancet', o estudo também avaliou dados de 97,4 milhões de adultos acima de 20 anos. Nessa faixa etária, o número de obesos saltou de 100 milhões há 40 anos para 671 milhões em 2016.

Tal cenário representa uma preocupação para a saúde pública, com aumento dos casos de hipertensão, diabetes e doenças como o câncer. Para mudá-lo, uma alteração nos hábitos familiares e mudança da rotina das pessoas, com a inclusão de exercícios físicos, é fundamental.

Foto: © Руслан Шугушев - 123RF.com