Pesquisa: exercícios faciais rejuvenescem rosto

Natali_CCM - 8 de janeiro de 2018 - 10:22

Pesquisa: exercícios faciais rejuvenescem rosto

Voluntárias e especialistas fizeram um teste por 20 semanas com 32 exercícios diferentes

(CCM SAÚDE) — Exercícios faciais, assim como os corporais, ajudam a manter a pele jovem por mais tempo. Essa foi a conclusão de especialistas após uma pesquisa com mulheres de meia-idade que fizeram uma série de exercícios por 20 semanas.



Publicado na revista 'Jama Dermatology', o experimento utilizou 27 mulheres com idade entre 40 e 65 anos. Todas participaram de duas aulas, de 90 minutos cada, com um instrutor de exercícios faciais. Depois, em casa, todas deram sequência à prática de exercícios por 20 semanas.

"Estávamos curiosos em saber se essas práticas realmente funcionam, e descobrimos que não havia estudos formais para testar a utilidade delas", diz, ao jornal 'Correio Braziliense', Murad Alam, vice-presidente e professor de dermatologia da Universidade de Northwestern, nos Estados Unidos.

A série era composta por 32 exercícios faciais, com duração de aproximadamente um minuto cada. Depois do período de exercícios, os pesquisadores compararam fotografias tiradas antes e depois do experimento e as imagens foram avaliadas por dermatologistas, que usaram uma escala de envelhecimento facial para examinar 19 características do rosto.

"Sob as camadas de gordura estão os músculos. Os exercícios faciais parecem ampliar os músculos, corrigindo, assim, a perda de volume causada por desgaste de gordura e queda da pele. O resultado é um rosto mais completo e firme, que parece mais novo", complementa o pesquisador.

"Testamos o método em mulheres de 40 a 65 anos, mas isso, provavelmente, funcionará também em mulheres mais novas ou mais velhas, bem como em homens. É possível que alguns tipos de pacientes possam se beneficiar mais ou menos desse método, mas precisamos de mais pesquisas para descobrir", finaliza o pesquisador.

Foto: © dolgachov - 123RF.com