Corpo humano é 'programado' para preguiça

Pedro.Saude - 15 de setembro de 2015 - 10:42

Corpo humano é 'programado' para preguiça

Sistema nervoso central trabalha de maneira constante para reduzir gasto de energia, diz estudo

(CCM SAÚDE) - Se você tem dificuldades em encontrar disposição para se matricular numa academia de ginástica ou começar a fazer caminhadas pode colocar parcela da culpa no seu próprio organismo. Estudo da Universidade Simon Fraser, no Canadá, descobriu que o sistema nervoso central humano trabalha de maneira constante para reduzir o gasto de energia, tornando o ser humano preguiçoso 'por natureza'.



De acordo com o pesquisador Max Donelan, um dos autores do estudo, o nosso cérebro busca a economia no consumo de energia mesmo em situações simples como caminhadas, buscando ajustar a forma de caminhar para conseguir ganhos energéticos. "O sistema nervoso monitora e otimiza continuamente os padrões de movimentos para tornar as caminhadas menos custosas", explica ele.

Para chegar a essa conclusão, os cientistas desenvolveram uma espécie de exoesqueleto que limitava os movimentos de voluntários e impedia que eles caminhassem da maneira usual. No entanto, menos de cinco minutos depois de iniciar a se mexer com o equipamento, o corpo já havia se ajustado à nova realidade e encontrado uma maneira simples de se movimentar.

A descoberta impressionou Donelan, que garantiu que a economia de energia buscada pelo sistema nervoso pode chegar a apenas 5%. "Andar requer a coordenação de dezenas de milhares de músculos do corpo. Como o cérebro consegue descobrir tão rapidamente qual a melhor combinação?", indaga o pesquisador.

Foto: © Pixabay.