Comer na hora errada corta efeito da dieta

Comer na hora errada corta efeito da dieta
Estudo com ratos mostrou que alteração nos horários fez com que animais não perdessem peso

(CCM SAÚDE) — Fazer dieta, mas comer em horários irregulares e fora do período de atividade do organismo é ineficaz. A conclusão é de estudo da Universidade do Texas, nos Estados Unidos, realizado com camundongos.

Para o experimento, os animais foram divididos em cinco grupos. Ao final do trabalho, apenas os ratos que tiveram restrição calórica no regime e eram alimentados em horários regulares apresentaram perda de peso.

"Traduzido para o comportamento humano, esses estudos sugerem que uma dieta só será eficaz se as calorias forem consumidas durante o dia, quando estamos acordados e ativos. Também vemos que fazer dieta e comer na hora errada à noite não gera perda de peso", aponta o neurocientista Joseph Takahashi, autor da pesquisa.

Outros dois grupos de ratos tiveram redução de 30% na ingestão de calorias e acesso reduzido à comida, respectivamente, mas eram nutridos fora do ciclo normal de dia e noite. Apesar da diminuição do consumo de alimento, esses animais não emagreceram e permaneciam mais ativos à noite com quadros de insônia crônica.

Foto: © Syda Productions - Shutterstock.com