SUS amplia acesso ao DIU em maternidades

Natali Chiconi - 11 de dezembro de 2017 - 09:46
SUS amplia acesso ao DIU em maternidades
Ministério da Saúde informa que dispositivo intra-uterino poderá ser implantando logo após o parto

(CCM SAÚDE) — O DIU (dispositivo intrauterino) agora está disponível também nas maternidades do SUS (Sistema Único de Saúde). Antes, esse contraceptivo não hormonal era oferecido apenas em Unidades Básicas de Saúde (UBSs).


De acordo com o Ministério da Saúde, que anunciou a novidade, o objetivo é facilitar o acesso ao contraceptivo para mulheres que deram à luz, que poderão deixar a maternidade já com o dispositivo inserido.

Para diminuir as chances de rejeição, o DIU poderá ser inserido até dez minutos após a saída da placenta, mas ficará disponível para a mulher por até 48 horas. Em casos de aborto, o DIU deve ser inserido após a curetagem.

Mais barato e com maior duração (cerca de dez anos), o DIU é um dos métodos contraceptivos menos divulgados no Brasil, mas está disponível na rede pública de saúde desde o ano 2000. Sua eficácia é de 99,3%.

Essa medida visa a combater a gravidez indesejada, cuja taxa é de 55% no país e 66% em adolescentes. Em geral, mulheres e adolescentes acima de 14 anos, bem como as que estão amamentando, podem usar o DIU de cobre.

Foto: © JPC-PROD - Shutterstock.com