Estudo aponta causas do transtorno bipolar

Pedro Muxfeldt - 18 de dezembro de 2017 - 07:25
Estudo aponta causas do transtorno bipolar
Após acompanhar pacientes por 12 anos, pesquisa encontrou uma série de causas para a doença

(CCM SAÚDE) — Uma série de fatores estão envolvidos no surgimento de um transtorno bipolar. Essa é a conclusão de um estudo da Universidade de Michigan, nos Estados Unidos, que acompanhou cerca de 700 portadores da doença por 12 anos.


Para Melvin McInnis, líder do estudo, há muitos caminhos que levam até a doença. "Descobrimos que existem diversos mecanismos biológicos que provocam a bipolaridade and muitas interações externas que influenciam seu surgimento. A combinação desses elementos afeta também a forma como o paciente vive a doença", aponta ele.

Entre as causas da doença mental, os pesquisadores identificaram a participação de alterações cognitivas, abuso de substâncias, padrões de sono e do relógio biológico e traumas de infância e outras relações familiares turbulentas. Além disso, os voluntários sofreram, em média, seu primeiro ataque aos 17 anos.

Além de determinar causas do problema, o estudo também pode levantar particularidades entre pacientes com o transtorno, tais como maior risco de enxaqueca, consumo aumentado de gorduras saturadas e maior incidência de distúrbios do sono.

Também se demonstrou que dois genes, denominados CACNA1 e ANK3, aumentam a suscetibilidade de uma pessoa para desenvolver bipolaridade. No entanto, os pesquisadores garantem não haver um gene que passe de pai para filho e determine o surgimento da doença ao longo da vida.

Foto: © lightwise - 123RF.com

Veja também