Cirurgia plástica: 55% quer sair bem em selfies

Pedro.CCM - 6 de fevereiro de 2018 - 12:59
Cirurgia plástica: 55% quer sair bem em selfies
Estudo de associação dos Estados Unidos mostra que preocupação com fotos cresce a cada ano

(CCM SAÚDE) — Estudo da Associação Americana de Cirurgia Plástica e Reconstrutiva Facial (AAFPRS, em inglês) revelou que mais da metade dos pacientes que passaram por tratamentos em 2017 apontaram as selfies como um dos motivos para a cirurgia.


De acordo com o levantamento, feito entre médicos membros da associação, 55% dos clientes reportaram a preocupação em sair bem nas fotos estava entre as causas de terem buscado a realização de cirurgia e outros tratamentos para o rosto.

O quesito selfies surgiu pela primeira vez no relatório de 2014 da AAFPRS. Desde então, mais pacientes colocam sua beleza nas fotos na lista de motivos para operações como aumento dos lábios, redução das orelhas e implantes no queixo. Na pesquisa de 2016, por exemplo, a taxa registrada foi de 42%.

Apesar do crescimento, as selfies ainda não ultrapassaram outras preocupações dos clientes, principalmente as profissionais. A busca por manter-se competitivo no mercado de trabalho e aumentar as chances de uma promoção foram citadas por 57% dos pacientes.

Foto: © dolgachov - 123RF.com