Vírus pode ser usado contra bactérias resistentes

Pedro Muxfeldt - 18 de junho de 2018 - 09:05
Vírus pode ser usado contra bactérias resistentes
Estudo demonstrou melhora de pacientes com problemas intestinais crônicos

(CCM SAÚDE) — Um estudo pioneiro da Universidade George Mason, nos Estados Unidos, pretende utilizar um conjunto de vírus para combater a crescente resistência de bactérias aos remédios antibióticos.


No experimento, 32 pacientes saudáveis porém com queixas quanto ao funcionamento do sistema gastrointestinal foram divididos em dois grupos. Por quatro semanas, metade recebeu um placebo enquanto os demais foram medicados com um coquetel de vírus bacteriófagos, isto é, que se alimentam de bactérias.

Na sequência, os voluntários ficaram duas semanas sem usar nenhum medicamento para depois, por mais quatro semanas, inverterem o uso de placebo e da cápsula com o conjunto de vírus.

Os pacientes que utilizaram o coquetel apresentaram redução de uma proteína associada à inflamação do intestino e respostas alérgicas. Além disso, o mais importante foi a constatação de que não houve efeitos colaterais nem alterações na flora bacteriana do organismo.

O uso de vírus bacteriófagos é uma das frentes de estudo para o grave problema da resistência bacteriana. Atualmente, já há bactérias que não respondem aos antibióticos disponíveis. Essa situação é vista com preocupação pois há risco de que doenças hoje de fácil tratamento se tornem incuráveis no futuro.

Foto: © Kateryna Kon - 123RF.com