Brasileiros criam novo remédio contra o diabetes

Natali_CCM - 10 de setembro de 2018 - 08:48
Brasileiros criam novo remédio contra o diabetes
Droga combina anilina humana e insulina para um tratamento mais eficiente da doença

(CCM SAÚDE) — A insulina e a amilina atuam juntas para metabolizar os carboidratos, mas, até hoje, a ciência utilizou apenas insulina para tratar o diabetes - algo que deve mudar.


Agora, pesquisadores da Universidade Federal do Rio de Janeiro combinaram insulina e amilina para criar um novo medicamento com a doença, como explica Paulo Lacativa, mestre e doutor em endocrinologia pela UFRJ.

"A grande dificuldade sempre foi desenvolver um medicamento à base de amilina humana, que é bastante insolúvel. Em poucos segundos, ela começa a se aglomerar e vira algo parecido com uma bolota", conta, em comunicado, o cientista.

"Por isso, já houve uma tentativa de lançar um produto análogo no mercado, conhecido como pramlintide, nos EUA e na Europa. Entretanto, seu uso não era o que se poderia chamar de amigável para o paciente. A amilina tinha que ser administrada separadamente da insulina, o que significava até sete picadas por dia", diz.

Os estudos da nova droga, comandados pelo professor Luís Maurício Lima, demonstraram-se tão promissores que receberam até o financiamento de um fundo para ciência de ponta. Isso porque foram duas descobertas: poder usar a amilina humana e conseguir colocar a amilina e a insulina juntas, de forma que a aplicação seja única.

Batizado de BZ043, o medicamento ainda passará por estudos para que seja regulamentado. Testes com humanos serão feitos em cerca de seis meses e a expectativa é de que ele seja lançado no mercado dentro de três a quatro anos.

Atualmente, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), 16 milhões de brasileiros sofrem de diabetes, e a taxa de incidência da doença cresceu 61,8% nos últimos dez anos. Considerada uma epidemia global, a doença atinge, primeiramente, China, Índia e Estados Unidos. O Brasil é o quarto país do mundo com mais diabéticos.

Foto: © Marcos Mesa Sam Wordley - Shutterstock.com