Metade dos brasileiros sofre com má digestão

Pedro Muxfeldt - 10 de outubro de 2018 - 09:00
Metade dos brasileiros sofre com má digestão
Estudo mostra que problemas digestivos reduzem qualidade de vida dos pacientes

(CCM SAÚDE) — Quase a metade dos brasileiros sofre com problemas de digestão, aponta estudo inédito da Federação Brasileira de Gastroenterologia (FBG).


De acordo com o estudo, as mulheres apresentam maior incidência de sintomas de má digestão, porém as causas para tal situação não foram determinadas. Apesar disso, o presidente da FBG, Flávio Quilici, apresenta algumas possibilidades.

"O perfil de quem tem má digestão é uma mulher, jovem, com sobrepeso e, talvez, fumante. A mulher se preocupa mais com a saúde, mas os casos são mais frequentes. Não deve ser alimentar, porque o homem se alimenta pior. A mulher é mais sobrecarregada socialmente, ela trabalha e está no comando da vida familiar. Ela tem mais responsabilidades do que o homem", afirma ele.

Segundo o levantamento, 93% dos entrevistados afirmaram que sintomas de má digestão afetam a qualidade de vida pessoal e profissional. Entre as manifestações mais citadas estão queimação (90%), azia (88%) e dificuldades para dormir (74%). Por outro lado, o refluxo, citado por 50%, foi apontado como o sintoma mais debilitante.

Foto: © antoniodiaz - Shutterstock.com